Embelezamento e reabilitação no Estádio do Bonfim em Setúbal

0
2

123538Mais de três centenas de voluntários participaram, entre sexta-feira e domingo, na primeira fase da campanha “Vitória Ma Bonite”, com a execução de um conjunto de ações de embelezamento e reabilitação no Estádio do Bonfim, em Setúbal.

Paredes e gradeamentos pintados de novo, trabalhos de limpeza, remoção de inertes e pequenas reparações em instalações foram algumas das ações executadas no equipamento desportivo, no âmbito de uma campanha de voluntariado inédita que visa melhorar a imagem da casa do Vitória Futebol Clube.

A iniciativa, organizada por um grupo de vitorianos, em parceria com a Câmara Municipal e o Vitória Futebol Clube, materializa um desafio lançado pela presidente da Autarquia, Maria das Dores Meira, que dá continuidade ao projeto camarário de embelezamento urbano “Setúbal mais Bonita”.

“Este é um projeto de enorme importância, um exemplo de cidadania que comprova o sentimento de união muito próxima que existe entre a população de Setúbal e o Vitória Futebol Clube”, afirmou a edil setubalense, que integrou, juntamente com membros do Executivo municipal, as equipas de voluntários.

As ações dinamizadas nos primeiros dias da campanha “Vitória Ma Bonite”, além do embelezamento geral do Estádio do Bonfim, permitem melhorar as “condições de utilização do equipamento desportivo, não só para os atletas do clube, da equipa profissional às modalidades amadoras, mas também para os associados e simpatizantes”, destacou Maria das Dores Meira.

A pintura de muros e fachadas, na zona do campo de treinos e na área de ginásios, a recuperação de um gradeamento localizado na área sul do Estádio do Bonfim, a limpeza e a remoção de materiais inertes na zona da pista de tartan e nos peões do recinto desportivo foram as principais ações dinamizadas na primeira fase.

“Há muito trabalho a fazer”, destacou a presidente da Câmara Municipal de Setúbal, presente na iniciativa no sábado e no domingo, lançando o repto a uma participação ativa da população para integrar as equipas de voluntários na concretização de outras ações necessárias.

No âmbito desta ação e com vista a melhorar as condições da prática desportiva aos atletas de formação do Vitória Futebol Clube, a autarca anunciou que “o Município vai disponibilizar brevemente, para utilização do clube, um novo relvado sintético”, equipamento a instalar no Campo de Treinos da Várzea.

A recuperação de canteiros e a plantação de nova vegetação são outras das ações programadas na campanha “Vitória Ma Bonite”, que prossegue nas próximas semanas, bem como a reabilitação geral das instalações sanitárias e a execução de novos trabalhos de pintura.

O artista setubalense Jorge Nice, um dos dinamizadores desta campanha, faz um balanço positivo do arranque da iniciativa. “Em termos de trabalho superou as expectativas. A malta é incansável”, enalteceu. “Agora é dar continuidade ao trabalho e esperar que mais pessoas se inscrevam nas equipas.”

Os trabalhos, iniciados na sexta-feira, contaram, além dos voluntários inscritos, com a participação dos jogadores da equipa profissional de futebol, do staff técnico e do presidente do Vitória Futebol Clube, Fernando Oliveira, e com mais de uma centena de crianças e jovens provenientes de quatro estabelecimentos de ensino do concelho.

Outras ações da campanha “Vitória Ma Bonite” envolvem a colocação de janelas e a execução de obras de beneficiação no Pavilhão Antoine Velge, e ainda a substituição das cadeiras das bancadas do estádio.

A colocação de piso inerte na área circundante do relvado, a instalação de papeleiras, a substituição dos pavimentos da sala da receção de visitas e do corredor de acesso e a recuperação dos bancos exteriores ao estádio fazem também parte desta campanha, com o lema “Bora Lá!!!”.

Espólio museológico em recuperação

O arranque da campanha marcou também o início do projeto de preservação e conservação do património museológico do Vitória bem como da sala de troféus, iniciativa realizada no âmbito de um protocolo de colaboração entre a Câmara Municipal de Setúbal e o clube sadino.

“É um grande desafio que está a ser conduzido por voluntários e técnicos especializados da Autarquia. Este espólio com mais de três mil peças conta a história centenária do Vitória e merece estar em exposição condignamente”, vincou Maria das Dores Meira no início dos trabalhos de limpeza na Sala de Troféus Josué Monteiro.

A intervenção no núcleo museológico, que deverá estar encerrado ao público durante cerca de um ano, começaram com o armazenamento de taças, troféus, medalhas e outros materiais expositivos, que, posteriormente, são encaminhados para outros locais para uma limpeza e um tratamento especializados.

“É fundamental desenvolver ações que conduzam à atualização e à salvaguarda de um vasto e riquíssimo património”, assinalou a presidente da Câmara Municipal de Setúbal.

O património presente na Sala de Troféus Josué Monteiro é composto, aproximadamente, por 2460 taças/troféus, 500 medalhas/placas/condecorações, 150 salvas, 30 diplomas e 120 fotografias.

A intervenção no património do clube inclui também o estudo e interpretação preliminar dos dados obtidos, numa perspetiva integrada, como contributo para o enriquecimento da história centenária do clube.

A própria Sala de Troféus Josué Monteiro, além de trabalhos de limpeza e eliminação de insetos nocivos para a conservação do espólio, vai ser intervencionada através de um conjunto de trabalhos de beneficiação, incluindo a colocação de um novo pavimento, ações que permitem melhorar as condições de exposição e visita daquele espaço localizado no Estádio do Bonfim.

 

Fonte: Rostos.pt

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Coloque o seguinte código de segurança * Time limit exceeded. Please complete the captcha once again.