Portalegre: 150 novos dadores de medula óssea tentam salvar a pequena Maria

0
2

Os apelos da pequena Maria que, para continuar viva, precisa encontrar um dador de medula compatível, despertaram muitos jovens para esta realidade e traduziram-se, em cerca de 150 novos registos de dadores de medula óssea, no banco de sangue de Portalegre.

A angariação de dadores de medula óssea que decorreu, quinta-feira, na Escola Secundária de São Lourenço, em Portalegre, superou as expectativas, de tal forma que a recolha prosseguiu, hoje, no banco de sangue do hospital de Portalegre.

Esta iniciativa foi despoletada pelo apelo da família da pequena Maria, de apenas 1 ano de idade, a quem foi diagnosticada uma vertente rara de leucemia, cuja cura depende, exclusivamente, de um transplante de medula óssea.

A afluência registada nesta recolha é “um sinal de ânimo” que aumenta as probabilidades de cura para a Maria, bem como para outras pessoas que também esperam um dador compatível.

O vice presidente da Associação de Dadores Benévolos de Sangue de Portalegre, Paulo Cardoso, ficou satisfeito sobretudo com a adesão de muitos jovens a esta causa que permite, com um pequeno gesto, salvar vidas

Esta iniciativa foi desenvolvida pela Associação de Dadores Benévolos de Sangue de Portalegre com o apoio do Serviço de Imuno Hematologia do Hospital Doutor José Maria Grande, da Direção da Escola de S. Lourenço e da Associação de Estudantes.

Quem quiser juntar-se a esta causa e tornar-se dador de medula óssea, pode dirigir-se, no período da manhã, ao banco de sangue do hospital de Portalegre.

Fonte: Rádio Portalegre

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Coloque o seguinte código de segurança * Time limit exceeded. Please complete the captcha once again.